Sede litúrgica, possivelmente trono episcopal, quando colocada na capela-mor sobre três degraus. É uma cadeira ampla, de braços, com espaldar alteado, recortado no cachaço e rematado por três pináculos. Os braços são encurvados e enrolados em voluta nas extremidades, as prumadas, travessas laterais e traseira são torneadas e a testeira é entalhada com SS entrelaçados. Tem o assento e costas revestidos a damasco vermelho, preso por pregaria grossa e rematado por franjas de ouro.
Faz conjunto com um tamborete (scabella), assento portátil destinado ao(s) assistente(s) do bispo no ato litúrgico.